Publicação em destaque

Poeta e apenas poeta

Já me olharam espantados quando digo que sou poeta e só poeta. Que não canto, nem danço, nem atuo, nem pinto, nem bordo, que "só" ...

sábado, 7 de janeiro de 2017

Lara

Fernanda Lara Máximo  Cardoso
quero seu  beijo e também o seu gozo
os seus cachos se encaixam nos meus  cachos
e seus passos bem cabem nos  meus  passos

Seu corpo,  coxas,  lábios,  nuca e dorso
me adoçam em amor, café e almoço
desenho com meus dedos os seus traços
faminto lhe ato e desato meus  laços

Minha boneca minha lhe desejo
em cada cômodo de minha casa
Sala,  cozinha e quarto de despejo

lhe quero leve na lufada de asa
com plumas pervertidas de meu anjo
que lhe vê febril,  ardente e em  brasa

Enviar um comentário