Publicação em destaque

Poeta e apenas poeta

Já me olharam espantados quando digo que sou poeta e só poeta. Que não canto, nem danço, nem atuo, nem pinto, nem bordo, que "só" ...

segunda-feira, 23 de junho de 2008

Lições III

Lucas C. Lisboa

Aprenda: nem tudo são descaminhos,
porque também virão viciosos vinhos.
Afinal nem o mundo é só impureza...
também sortida há qualquer malvadeza!

Saiba, pois nem tudo serão espinhos...
há ferrões nos melhores dos caminhos!
Pois que nem tudo é sempre uma tristeza,
sobra também a fome e algoz pobreza!

Pequena, são mazelas da virtude!
assim mui digna de quem só o bem faz...

Contrário a quem bebe por sua saúde...
pra se gozar como melhor lhe apraz!

dos que infligem tormentos amiúde...
sem a piedade d'um segundo em paz!

2 comentários:

Erica Nicoli disse...

Bão também...
Poque apagou o que estava aqui?

Anónimo disse...

Adorei....
Sabia que iria conseguir "acertar o ritmo" com brilhantismo!!!!
Tem se superado....
Beijos....