Publicação em destaque

Poeta e apenas poeta

Já me olharam espantados quando digo que sou poeta e só poeta. Que não canto, nem danço, nem atuo, nem pinto, nem bordo, que "só" ...

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Entre Ariadne e Andrômeda

Lucas C. Lisboa

Labirinto de paixoes
Fetiches entrelaçados
Amarras e conexões
laços por todos os lados
Enviar um comentário