Publicação em destaque

Poeta e apenas poeta

Já me olharam espantados quando digo que sou poeta e só poeta. Que não canto, nem danço, nem atuo, nem pinto, nem bordo, que "só" ...

sábado, 19 de março de 2011

Soneto do Funk

Vem cá comigo boneca
Vem cá comigo sem medo
eu quero ver a sua tcheca
conversar com o meu dedo

Vem que sei que tá na seca
pelo meu pau desde cedo
te vi rebolando na cerca
da pista lá do lajedo

Cansei de boneca inflável
vem que eu to inflamável
pego fogo por você

Quero mais é lhe comê
sem um caô, sem besteira
vamo fodê a tarde inteira

Enviar um comentário