Publicação em destaque

Poeta e apenas poeta

Já me olharam espantados quando digo que sou poeta e só poeta. Que não canto, nem danço, nem atuo, nem pinto, nem bordo, que "só" ...

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Vizinhança


Lucas C. Lisboa

Nervoso o velho Agripino
brandindo com sua bengala
a ralhar com o menino

que fez da bola uma bala
com um chute bem cretino
acertando sua janela
e a brasília do vizinho

O ecológico Agripino
resmungando não se cala
e recomenda ao menino

a usar bodoque de tala
grossa e elástico fino
pois assim não mais abala
sua paz só a do passarinho


Enviar um comentário