Publicação em destaque

Poeta e apenas poeta

Já me olharam espantados quando digo que sou poeta e só poeta. Que não canto, nem danço, nem atuo, nem pinto, nem bordo, que "só" ...

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

menininha

Ataualpa S. Pereira/ Lucas C. Lisboa

menininha, menininha
tão inocente a me sorrir
que tu saiba serás minha
muito tenho a lhe bolir

menininha, menininha
vou lhe botar pra dormir
não ficarás mais sozinha
muito tenho a lhe bolir

menininha, menininha
não tens mais porque chorar

menininha, menininha
tens meu colo pra deitar

menininha, menininha
tens toda noite a mamar

4 comentários:

Bárbara (B.) disse...

Adorei o fruto da união de vocês... mas ainda acho que deveria haver dedicatória explícita. Risos.


Beijo meu.

Ataualpa "Mirallatos" Pereira disse...

Wow...

Anónimo disse...

Adorável!

Lucas, sou sua fã, sabia?

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.